Resenha - Uma carta de amor

sábado, 2 de maio de 2015
Título: Uma carta de amor
Autor(a): Nicholas Sparks.
Número de páginas: 277.
Editora: Arqueiro.


Por: Brenda Sousa.


"Eu existo para amá-la, para tê-la em meus braços, para protegê-la. Existo para aprender com você e para receber o seu amor em troca. Estou aqui porque não há outro lugar para estar.
Uma carta de amor, Nicholas Sparks


Theresa Osborne é uma colunista  de um jornal em Boston, divorciada e mãe de um garoto de 12 anos, Kevin. Se separou do marido depois de descobrir que havia sido traída e, desde então, não consegue se entregar a nenhum relacionamento amoroso. Vive sua vida dedicada ao trabalho e ao filho, 24 horas por dia, sem um tempo para si, para aproveitar a própria companhia.

Sua coluna leva sempre o mesmo tema central, que é a criação de filhos. Varia na medida do possível, mas no geral passa todo o seu tempo procurando subtemas para escrever sobre o assunto. Diante da vida caótica, quando seu filho vai passar algumas semanas de férias com o pai, sua chefe e amiga, Deanna, insiste para que ela tire férias e se afaste um pouco da rotina. Ela resolve, então, passar um tempo em Cape Cod. 

Depois de instalada eu seu hotel, numa certa manhã decidiu sair para dar uma corrida matinal na praia. Passeando na beira do mar, encontra um objeto enterrado na areia e se abaixa para pegar. Era uma garrafa, tampada com uma rolha e com um papel enrolado dentro. Ela abre a garrafa e retira o papel para ler o que acaba descobrindo ser uma linda carta de amor. Ela se encanta com as lindas palavras e a leva para Boston. Com o objeto em mãos, decide que precisa conhecer o tal rapaz que aparentava estar tão apaixonado. 

Com a decisão de buscar mais informações sobre o rapaz, Theresa acaba explicando as coisas para Deanna, que insiste que ela publique um artigo sobre a carta encontrada. Theresa reluta, mas, no fim das contas, acaba publicando a carta alterando os nomes em questão. Em resposta à sua publicação, mais duas cartas apareceram e, então, ela pôde descobrir de onde elas provavelmente vinham. É assim que ela se dirige para Wilmington, na Carolina do Norte, e acaba encontrando Garret Blake, com quem vai viver uma intensa e conturbada história de amor.
[...]

Ler Nicholas Sparks sempre me deixa cheia de expectativas. Até mais da metade do livro acreditei que esse seria uma excessão e eu não sofreria com a história, mas a acharia linda e feliz. Mero engano. hahaha' Nicholas Sparks sabe utilizar as palavras suficientemente bem para mexer com nossos corações de um jeito que nós não podemos controlar. De fato, consegui segurar as lágrimas, pois me preparei bastante para um final diferente, porém, não deixei de sentir a dorzinha no peito que sempre sinto ao terminar um de seus livros. 

É um romance lindo, e para aqueles que gostam, vale a pena. Todavia, de forma alguma é um romance do tipo "conto de fadas", mas nos traz aspectos bastante reais e atuais, fatos que podem ser vividos por muitos casais no mundo e ter desfechos diferentes (espero que não semelhantes ao deste livro). Por essas e outras coisas, gostei de conhecer Theresa e Garret, de acompanhar um pouco de suas histórias e de ver os obstáculos que tiveram que superar para se entregar um ao outro. 

Nicholas Sparks continua sendo o romântico intenso e escritor habilidoso que demonstra ser em todos os seus livros e, sem dúvidas, continua conquistando muitos leitores com o livro "Uma carta de amor". Espero que as pessoas que o lheiam possam, também, escrever cartas de amor tão belas quanto as que são trazidas no livro. 

Aos que curtem romances, fica a indicação. E se preparem! Peguem seus pacotes de lencinhos e controlem as lágrimas e o coração, porque é de Nicholas Sparks que estamos falando, certo? hahaha'


Obs. Não sei se vocês sabem, mas Nicholas Sparks tem uma certa "mania" de colocar nomes de pessoas próximas em seus livros. Diretamente, neste livro duas personagens tiveram seus nomes escolhidos com base nisto. Foram elas: Catherine, em homenagem à sua esposa e Theresa, em homenagem a sua agente. Interessante, não? Em outros livros ele faz o mesmo com nomes de alguns de seus filhos (cinco ao todo).






Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos
0 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

 
© Postando Trechos, VERSION: 02 - Dentro do céu - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo