Resenha - Para onde ela foi

sexta-feira, 10 de julho de 2015
Título: Para onde ela foi.
Autor(a): Gayle Forman.
Editora: Novo conceito.
Número de páginas: 216.


Por: Brenda Sousa.





"Um dia pode ter apenas vinte e quatro horas, mas às vezes passar por um parece tão impossível quanto escalar o Everest." 

Para onde ela foi, Gayle Forman.




"Para onde ela foi" é a continuação do final curioso de "Se eu ficar", no qual a autora Gayle Forman deixou nossas mentes funcionando e tentando entender o que aconteceria depois. Desta vez, a história não é contada por Mia, mas por Adam, e não, não é a mesma história do ponto de vista dele (como eu achei que seria, pelos comentários que eu tinha ouvido antes). Estamos agora 3 anos depois do momento em que Mia acordou, Adam é um grande astro do rock com sua banda Shooting Star, Mia é uma grande violoncelista aos 21 anos, aproximadamente, e eles não se veem a 3 anos.

A vida de Adam virou de cabeça para baixo e ele nunca superou o acontecido, tanto o acidente de Mia em si e a perda de sua família, como o afastamento dela, que aconteceu sem nenhuma explicação. Logo após acordar, Mia recebeu a carta de confirmação da Juilliard, sendo aceita como aluna de uma das melhores universidades de arte do mundo. Na situação em que estava, a faculdade abriu uma exceção e disse que ela poderia se recuperar e assumir a vaga dentro de um ou dois anos caso quisesse. Mia recusou e decidiu que se esforçaria ao máximo para que pudesse começar as aulas dali a 5 meses, como qualquer outro aluno. Esta decisão mudou completamente a vida de Mia e Adam como um casal.

Eles decidiram manter um relacionamento a distância, mas as coisas acabaram se perdendo no caminho e, de repente, eles não tinham mais a mesma cumplicidade e nem sequer conversavam da mesma forma. Desde então, Adam mergulhou na vida do rock, a qual pouco a pouco percebeu não ser exatamente o que ele sempre sonhou para a sua vida. Hoje namora uma atriz de Hollywood linda e super famosa, faz inúmeras turnês e recebe inúmeros prêmios, mas ainda assim leva uma vida miserável e solitária. Está cheio de traumas e com problemas psicológicos, a base de remédios e procura repetir para si mesmo que é assim que as coisas tem que ser e não há o que ele possa fazer para mudá-las. Vive na sua mente ideia de que tudo isso é culpa dele.

A história vai se desenrolando até o momento do encontro de Mia e Adam pessoalmente, que faz com que o livro fique mais e mais bonito até o final. Gostei muito da continuação, senti a emoção do reencontro deles e mergulhei nos sentimentos descritos por Adam durante todo o livro. A visão dele de todo o caos que se passou nos últimos três anos faz perceber que o dinheiro e a fama não nos trazem tudo e, às vezes, aquilo que nos parece mais difícil alcançar, pode não ser o que nos realizará por completo. Assim, acho que o livro tem uma pitada de romance nostálgico muito bonita e gostosa de acompanhar. Vale a pena a leitura!
Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos
0 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

 
© Postando Trechos, VERSION: 02 - Dentro do céu - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo