Resenha – Jogando xadrez com os anjos

terça-feira, 31 de maio de 2016
Título: Jogando xadrez com os anjos
Autor(a): Fabiane Ribeiro
Número de páginas: 400
Editora: Universo dos livros


Por: Brenda Sousa

"[...] quanto maiores o amor e a esperança que mantivesse dentro do peito, maiores voos poderia alcançar [...]."
Jogando xadrez com os anjos, Fabiane Ribeiro

Anny é uma garotinha de apenas 8 anos de idade, que sonha conhecer o mundo viajando com seus pais. Ela vive numa casa enorme e é criada, basicamente, por uma mulher que cuida da casa e dela, enquanto seus pais voltam do trabalho apenas aos sábados para passar o dia com ela. Estamos no ano de 1947, dois anos após o final da Segunda Grande Guerra e Anny não sabe nem um pouquinho sobre a situação em que o mundo se encontra e no que isso interfere no trabalho de seus pais. Tudo que ela deseja é tê-los por perto mais tempo, brincar, dançar ao som da mãe tocando piano e brincar no balanço no jardim, mas, infelizmente, ele não pode sair de casa e nem sabe por quê.


Cindy e Jefferson são dois “matadores de aluguel”, digamos assim, que trabalham sob grandes riscos de vida diariamente. Por esse motivo, eles não poderiam ter tido Anny, que nasceu acidentalmente da relação dos dois. Certo dia, eles fecham contrato com um novo chefe, muito mais exigente, fazendo com que eles possam retornar para casa apenas uma vez por ano. Para não deixar Anny sozinha toda esse tempo, eles a deixam na casa da vizinha e professora domiciliar de Anny, Senhora Jane, e do seu marido, Senhor Hermes. Lhe é permitido levar apenas dois brinquedos: Tiara (uma ursinha de pelúcia) e seu xadrez de cristal, presente dado por seu pai. 

Jane e Hermes recebem altas quantias em dinheiro para cuidar da menina, mas não é bem isso que fazem. Anny é tratada como escrava, tendo que limpar a casa, se alimentar sempre sozinha, passar frio dentro de um quarto apertado e brincar apenas no jardim, depois de ter feito todas as tarefas de casa. Em sua estadia com o casal, anny sofre diversos castigos perversos e cresce como sendo um pedaço de lixo largado pelo chão. Mas é também lá que ela aprenderá a importância da sua fé, da natureza, de saber perdoar e de fazer novos amigos, sejam eles quem forem.

Nesse caminho surgem Pepeu, Nicole, Desiré, George, Nina, Ângela, Frank e até Hermes acaba virando seu amigo. Se todos eles são reais ou são anjos na vida de Anny, não dá para dizer, mas a garota lhes ensinou grandes lições e não há dúvida alguma quanto a isso.


 Quando eu solicitei o livro para leitura, eu imaginava algo completamente diferente, mas ainda assim não foi uma decepção após finalizar a leitura. O livro tem lições incríveis, coisas que nos fazem parar para pensar constantemente a cada capítulo. A garota Anny é uma personagem preciosa para o mundo que estamos vivendo hoje e, mesmo com sua pouca idade, traz palavras que apenas alguém com o coração puro é capaz de dizer. Todo o conjunto de personagens do livro tem lições a ensinar e isso foi o que fez do livro mais rico para mim. Ele veio num momento importante em que todos nós deveríamos refletir sobre muitas questões do nosso dia a dia.

Alguns detalhes me incomodaram um pouco, e por isso o livro não recebeu as 5 estrelas. No começo eu achei ele um pouco cansativo, não pela história em si nem pela narrativa, mas pelos capítulos um tanto quanto longos, apesar de com bons acontecimentos. Achei, também, que o livro é uma mistura de outros três: Pollyanna, A menina que roubava livros e A menina que não sabia ler. Em alguns pontos enxerguei semelhanças com personagens desses livros, que são outros livros ótimos na minha opinião, mas que ficaram na minha cabeça. Senti falta de um pouco mais de explicação sobre os pais de Anny, apesar de entender que não foi esse o foco nem o objetivo da história.

No mais, é uma leitura longa, mas que vale a pena por diversos motivos. Ele tem tantos trechos incríveis que quem nos acompanha nas nossas redes sociais pode esperar vê-lo ainda por muitos meses adiante, pois foram 101 seleções anotadas durante toda a leitura. Aguardem e acompanhem! *_* 






Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos
10 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

10 comentários:

  1. Parabéns pela resenha, e como sempre, lindas fotografias.
    Dá uma passada lá no blog, tem uma indicação a você lá. ;)
    http://www.vestigiodelivros.com.br/2016/05/premio-dardos.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaa! *_*
      Vou passar sim, muuuiito obrigada.

      Beijos

      Excluir
  2. Oi, Brenda!
    Essa capa é muito linda! Mas não sei se leria o livro por conta da leitura meio parada..
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu!
      Também acho um amor! Entendo. :P No fim das contas foi uma leitura bem bonita...

      Beijos

      Excluir
  3. Adorei a premissa dele, queria saber mais sobre esses pais, mas fiquei triste de não verem que a própria filha estava sendo maltratada. Realmente parece ser uma leitura muito interessante e a capa é linda. Adorei a resenha!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem difícil acompanhar esse ponto na história mesmo. Dói no coração ler cada trecho disso. :S
      Obrigada!!

      Beijos

      Excluir
  4. Oi, tudo bem? Parece ser um livro bem triste. Odeio capítulos longos, eles tornam a leitura bem arrastada, dependendo. Adorei a capa do livro e fiquei muito curiosa para ler ele.

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No fim das contas é uma história bonita, apesar dos trechos bem tristes mesmo. Fico feliz que tenha ficado curiosa! *_*

      Beeeijos

      Excluir
  5. Caramba, 101 seleções? Então vai ter muita quote dele lá no IG! hahaha
    Pena que a história não é muito original, mas eu acho que leria sim!

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha Pois é! PRE-PA-RA! hahaha
      Fico feliz que tenha gostado. *_*

      Beijos

      Excluir

 
© Postando Trechos, VERSION: 02 - Dentro do céu - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo